butantan
butantan

Butantan desenvolve soro para tratar coronavírus

Nesta segunda-feira (21/12), o diretor do Instituto Butantan, Dimas Tadeu Covas, informou que o Instituto tem prontas três mil doses de soro anticoronavírus criado no próprio local.

Dimas afirmou que desde o início da pandemia, a área de soros e vacinas do Butantan tem trabalhado em duas frentes: vacina e soro. Conforme amplamente divulgado, para a vacina foi feito um acordo com a empresa Sinovac Life Science para fornecimento de 46 milhões de doses da Coronavac e transferência de tecnologia da vacina para produção no Instituto.

Já o soro foi desenvolvido na fazenda do Butantan com base no material colhido no sangue de cavalos infectados com o vírus inativo. Ele tem o objetivo de ajudar no tratamento da doença de pacientes contaminados pelo coronavírus amenizando os sintomas e diminuindo o potencial letal. O material não é capaz de curar e nem de prevenir a doença.

“Soro, diferente de vacina, é tratamento, então, brevemente nós poderemos iniciar um estudo clínico no Brasil capitaneado pelo estado de São Paulo na área de tratamento da doença com um soro heterólogo altamente potente”, disse o diretor.

O Instituto Butantan aguarda autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para iniciar o estudo clínico do medicamento.

Compartilhe nas Redes Sociais

Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/e13combr/public_html/96fm/wp-includes/functions.php on line 5107