f1
f1

Calendário de 2021 da F1 sofre primeiras mudanças

A temporada ainda nem começou e o calendário 2021 da F1 já sofreu sua primeira mudança, nesta terça-feira. O GP da Austrália, que deveria abrir o calendário em 21 de março, foi adiado para 21 novembro após o país impor medidas restritivas a viajantes para conter uma nova onda do coronavírus.

Com isso, o GP do Barein abre o campeonato no dia 28 de março. Para acomodar a corrida em Melbourne no segundo semestre, a F1 antecipou o GP de São Paulo em uma semana. Agora a etapa em Interlagos será realizada no dia 7 de novembro.

A pedido dos organizadores do GP da China, a etapa também foi adiada. Mas diferentemente da corrida na Austrália, a prova em Xangai ainda não tem nova data no calendário. O seu antigo posto de terceira etapa da temporada, inclusive, foi preenchido pelo circuito italiano de Imola, no dia 18 de abril.

Ao que tudo indica, o espaço reservado ao GP do Vietnã, em 2 de maio, deve ser preenchido pelo GP de Portugal, em Portimão, ainda que não exista confirmação oficial. As novas mudanças resultaram no encerramento do campeonato uma semana mais tarde que o previsto, com o GP de Abu Dhabi fechando a temporada em 12 de dezembro.

Por GE

Compartilhe nas Redes Sociais

Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/e13combr/public_html/96fm/wp-includes/functions.php on line 5107