Carreata a favor da abertura do comércio é realizada em Bauru

O protesto contra o fechamento do comércio bauruense pela fase vermelha do Plano São Paulo, realizado na manhã deste domingo (31/01), reuniu ao menos mil veículos na avenida Nações Unidas, entre carros, motocicletas, caminhões e triciclos, segundo a organização. 

As frases escritas nas faixas e nos veículos reivindicavam a abertura definitiva do Hospital das Clínicas (HC) como hospital geral e a ampliação dos leitos hospitalares em Bauru. Os manifestantes também demonstraram apoio à prefeita Suéllen Rosim e às denúncias feitas pelo promotor de Saúde Pública de Bauru, Enilson Komono, e pediram a saída do governador do Estado de São Paulo, João Doria.

Em nota, o Estado informou que respeita o direito de manifestação política, garantida pela Constituição Federal, mas voltou a ressaltar que a região de Bauru possui, atualmente, a maior taxa de ocupação de leitos de UTI do Estado e que a Secretaria de Estado da Saúde investiu cerca de R$ 357 milhões somente na cidade em 2020:

“O Governo do Estado de São Paulo respeita o direito de manifestação política, garantida pela Constituição Federal.

Quanto à pandemia de Covid-19 em Bauru, a região segue com a maior ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) – portanto, com o maior risco em todo o Estado. O Governo de São Paulo lamenta a opção de subestimar a situação crítica da saúde pública por parte da prefeita Suéllen Rosim, ignorando especialistas e profissionais de área. Por sua vez, o Estado continuará zelando pela vida e pela saúde de todos com responsabilidade.

Segundo a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Regional, diferentemente do que está sendo divulgado nos últimos dias pela prefeita e seus apoiadores, a Secretaria de Estado de Saúde investiu cerca de R$ 357 milhões em 2020 só em Bauru, para o Hospital Estadual, o de Base, a Maternidade Santa Isabel e o AME (Ambulatório Médico de Especialidades) de Bauru.

Mesmo frente à não habilitação de mais da metade dos leitos do Estado pelo Governo Federal, o Estado de São Paulo vai continuar trabalhando para não deixar nenhum cidadão sem atendimento durante esta crise.

Utilizar do argumento de que são necessários mais leitos na cidade, o que tem sido premissa básica desde o início da pandemia pelo Governo do Estado de São Paulo, não é motivo para não seguir o que preconiza a Ciência e a Saúde. Tal postura pode elevar ainda mais o número de casos, de internações e óbitos em Bauru por coronavírus.”

O trio elétrico que puxou a carreata saiu às 10h da quadra 17 da via, onde estava marcada a concentração, seguiu para a rotatória da avenida Nações Norte e depois foi até a rotatória da Ceagesp. O encerramento ocorreu em frente ao Parque Vitória Régia, por volta das 11h30. Durante o trajeto, os manifestantes acabaram espaçados por conta dos semáforos da avenida.

Suéllen Rosim publica vídeo pedindo abertura do HC

Em sua página do Facebook, a prefeita Suéllen Rosim (Patriota) publicou, na tarde desde domingo (31), um vídeo no Hospital das Clínicas (USP) de Bauru. Na filmagem, ela elogia a estrutura do prédio e diz que a abertura definitiva do local seria a solução para a falta de leitos hospitalares na cidade.

A prefeita estava acompanhada do superintendente do HRAC/USP, Carlos Ferreira dos Santos. “O nosso reitor foi contatado pela Secretaria de Estado da Saúde e disse, mais uma vez, que a USP vai colaborar com a população para a instalação de UTIs no hospital de campanha”, conta dos Santos, ressaltando que a USP aguarda o contato da Saúde para que a concessão dos leitos de UTI seja feita, da mesma forma que foi feito para os 40 leitos de baixa e média complexidade exclusivos para Covid-19 que funcionam no 3º e 4º andar do HC.

Por JCNet

Compartilhe nas Redes Sociais

Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/e13combr/public_html/96fm/wp-includes/functions.php on line 5107