suellen orlando
suellen orlando

Prefeita eleita de Bauru, Suéllen Rosim é vítima de racismo

Primeira mulher eleita prefeita de Bauru em 124 anos, Suéllen Rosim (Patriota) terá muitos desafios no comando da cidade. Porém, antes de assumir, ela deverá enfrentar o racismo.

No domingo, antes mesmo de ser eleita, Suéllen soube de ataques racistas após pessoas próximas encaminharem mensagens que foram divulgadas no Whatsapp. Em conversa com a 96FM a prefeita eleita disse que registrou um boletim de ocorrência e acionou sem advogado.

“Isso não se faz muito menos em um ambiente de internet, onde as pessoas postam o que querem, comenta o que bem entendem. Nós estamos em um tempo que isso não é mais permitido, faço isso por mim e por tantas pessoas que enfrentam esse tipo de situação”, disse Suéllen em entrevista ao site G1.

Nesta segunda, internautas divulgaram mais comentários racistas feitos também no Facebook. Entre as mensagens, os agressores escreveram “não tenho nada contra, mas essa gente de pele escura, com cara de marginal administrado essa cidade, será o fim”.

Outra mensagem racista divulgada durante uma live foi “Bauru não merecia ter essa prefeita de cor com cara de favelada comandando nossa cidade. A senzala estará no poder nos próximos quatros anos”. Os agressores já identificados excluíram seus perfis das redes sociais.

“Eu represento muitas mulheres, muitas negras que buscaram o seu espaço ao longo desse trajeto, não só na política, mas em todas as áreas. Então eu quero deixar essa mensagem de respeito e de representatividade. E com isso eu já começo o governo deixando essa mensagem diante do que eu me senti ofendida, mas que isso não vai me calar e não me tornar invisível”, completou a prefeita ao G1.

Ainda nesta segunda o advogado da prefeita conversará com a reportagem da 96FM para explicar quais medidas serão tomadas agora e ao longo do mandato para punir e coibir atos racistas.

O Conselho Municipal de Direitos Humanos de Bauru divulgou nota em sua página no Facebook para repudiar os ataques.


“O CMDH – Conselho Municipal de Direitos Humanos de Bauru-SP REPUDIA VEEMENTEMENTE, este ato de RACISMO explícito contra a Prefeita Eleita Suéllen Rosim. Independente se as pessoas apoiam ou não sua vitória, não podemos admitir tal manifestação criminosa. RACISMO É CRIME!”

Eleição
Suéllen foi eleita prefeita de Bauru com 55,98% dos votos (89.725), Dr Raul teve 44,02% (70.558 votos).

Suéllen Rosim é a primeira mulher a ser eleita prefeita de Bauru. Antes dela, apenas Estala Almagro, que foi eleita vereadora nestas eleições, ocupou o cargo de vice-prefeita nos dois mandatos de Rodrigo Agostinho.

Compartilhe nas Redes Sociais

Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/e13combr/public_html/96fm/wp-includes/functions.php on line 5107